sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Raul por Sergio Martins



O quarto está vazio.
O tempo se fechou.
Já não sou mais abrigo.
E você, nunca amou?

Meu corpo está frio.
A porta se trancou.
Há respostas sem carinho.
Estou no ar que se apagou.

Me acalmo. Ouço o grito:
a alma se cansou...
E pra não dormir sozinho
uma ilusão me incendiou.

Meu espaço corrompido
o vento balançou;
eu choro e admito:
a diversão me estragou.

Imagem: http://drinkordiee.blogspot.com/2010/07/quarto-escuro.html

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visualizadas