sábado, 8 de janeiro de 2011

De uma vez por todas por Sergio Martins







É possível ter os pés no chão
e seguir com a razão pela fé?
A fé enquanto subproduto da barganha, do medo, da superioridade racial e do afã pelo poder constrói os algozes do próprio ser humano.
Religiões que têm um passado obscuro e que atualmente promovem guerra, desigualdade e fome, não deveriam existir.
Um deus que necessita urgentemente e a todo custo de atenção e bajulação e que se mostra vingativo aos que não alimentam sua doença sádica, infantil e narcisista, não merecem o respeito humano.

Ateus, esquizofrênicos e artistas sempre trabalharam muito para consertar o mundo das atrocidades religiosas.

O paraíso existe em sua mente e por isso, não é possível comprá-lo ou barganhá-lo pela meritocracia religiosa. Os deuses estão ocupados com coisas mais importantes do que seus caprichos egoístas, eles não são banco ou mercado, talvez desconheçam qualquer inferno além do que os humanos criaram
e não se deixam subestimar pela ganância e presunção de nossa pseudo intelectualidade.

O capitalismo mata, deuses não são religião, o seu deus só é a verdade absoluta do universo para você mesmo e caso ele seja preconceituoso, não pode ser melhor que outros deuses e nenhum outro ser.
Deuses não são propriedade de ninguém.
No fim das contas, para mim, a arte sempre compensa,
meu hedonismo também dá sentido à minha existência
mas só o amor pode salvar nosso pequenino mundo.

14 comentários:

Luís Coelho disse...

Eia amigo!
Grande post. Sabedoria e muita sensibilidade.

Tantas pessoas precisam de ler o que aqui está escrito. Mesmo que não leiam todos sabemos que é assim só que deixamo-nos enganar facilmente.

Deus não se vende nem se encomenda fiado. O Ceu não será terreno dos ricos, políticos ou poderosos.

A grande riqueza do ser humano é ter fé e amor a Deus e ao seu próximo.
Que cada um de nós possa fazer da sua vida algo de bom para que este mundo seja melhor para todos.

lita duarte disse...

Oi, Sergio.

E eu digo amém.:)

Que maravilha esse post.

Bjos.

José María Souza Costa disse...

Creio que a maior riqueza do ser humano, é ter uma Alma Amante. Rsrsrs
Um dia voce passou pelo meu blogue e postou um comentário, em uma página esportiva, que escrevi sobre o Moto Club, e nunca mais voltou. estou lhe convidando outra vez a visitar o meu blogue. Muitissimo simplório e se possivel seguirmos juntos por lá. Estarei outra vez lhe aguardando lá. Abraços e fique com DEUS

ღPat.ღ disse...

Só o Amor pode mesmo salvar, pois talvez seja a única coisa que não se pode COMPRAR, BARGANHAR, VENDER... ahh não podemos não, e isso é a salvação do mundo sem dúvida!


É melhor amar que ser amado. É melhor doar que receber... se isso é verdade, eu quero entender! (D'Black)

Um fim de semana mágico para si.
Beijos...

Bruno JP Teixeira disse...

É como vc disse Deus não é religião. O amor é o grande resumo Bíblico.

"Pois Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu filho unigênio para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna."

Um bom final de semana.

Abrçs.
Bruno JP Teixeira - O Portuga
http://brunojpteixeira.blogspot.com/

________________________________ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
stela emilia gusmão disse...

Olá Sergio,estou aqui.
texto profundo,valorizando esperança e o amor como conteúdo de força à existência e crença no Supremo independente de dogmas religiosos.

Geisa Machado disse...

Oi Sergio!
Muito bom este post! Eu acho perfeitamente possível ter os pés no chão e seguir com a razão pela fé. E fé, com certeza não tem nada a ver com religião (nem Deus). Procuro nortear a minha vida por estes parâmetros.
Só tenho uma ressalva quanto ao "só o amor pode salvar o mundo", porque amor e ódio estão sempre de mãos dadas. Um precisa do outro e nem sempre a gente sabe qual que está atuando.
Agora, os posts anteriores ficaram mais interessantes depois que me explicou quem (ou o que) é "Sheyla".
Já me coloquei como seguidora. Hoje o seu blog não estava doido. rsrsrs
Um ótimo domingo pra vc!
Bjussss

A FADA DAS AGULHAS disse...

Olá Sergio,em primeiro lugar agradeço sua visita no meu blog.Vim conhecer sua página,e gostei muito mesmo.Você escreve perfeitamente bem...Adorei!

Estou te seguindo também!
Abraços e um ótimo domingo!

Simone Souza

Crys disse...

Lindo seus escritos...obrigado pela visita, sigo-te tambem!

Flor de Lótus disse...

Oi,Sérgio!Primeiro um pedido, as chatas letras de confirmação isos tu tiral á nas confgigurações do blog, comentários palavras de confirmação não.
Em segundo lugar, lindos versos, o amor é o que faz vida valer a pena, é o que nos impulsiona e nos faz felizes.
Beijosss

Long Haired Lady disse...

o prazer dá sentido a existencia, sim!
ontem mesmo usei este argumento para alguem.
beijos!

Maria disse...

Muito bonito!!

NELL SANTOS disse...

Pura veracidade em suas palavras! "Só o amor pode salvar o mundo". Já dizia Martin Luther King:"(...)O amor desarmado é a força mais poderosa do mundo".

Gostei demais!
Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visualizadas