terça-feira, 9 de novembro de 2010

Jantar à luz de velas por Sergio Martins


Menino de longo sorriso, é tão difícil te aborrecer,
embora, muitas vezes, eu consiga lhe entristecer.

Os acordes do teu violão me acordam
e me tocam para eu te tocar,
teus lábios macios me devoram
e me põem a fome de amar.

Por isso, te peço: essa noite não se vá,
deixe o futebol, a crise no trabalho e o botequim,
pois farei o melhor jantar à luz de vela e até lá,
não beba, não aposte nas cartas e não se esqueça de mim.

Imagem: http://blog.consultoresdoprazer.com.br/?p=131

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visualizadas