sábado, 16 de outubro de 2010

Espera por Sergio Martins




Esse anseio de só querer chegar
é de toda uma vida partida a caminho de não se achar.
Por tantas partidas à caça do “ser-estar”;
pela euforia momentânea que as noites vieram te brindar.

Não houve chegada que lhe desse sentido,
mas onde foi que tudo esteve perdido?
Não teve busca que lhe deu certeza,
mas até que ponto o “fim do mundo” é a tristeza?

E você não me entende se falo que é preciso parar,
que sua correria é aflição de não poder pensar e escutar.
Seu medo não é do escuro, mas da Voz Silente no teu coração.

Sei que na guerra falta luz, água e pão,
porém, há o momento do amor falar mais que a emoção.
O que receio é que seja tarde pra abraçares a razão,
pois quando a noite cair e a vida te frear,
notarás que valeria mais a espera agora que não há o que sonhar.

Foto: http://librarymoreno.blogspot.com/2010/06/na-vida-tudo-e-espera-espera-se-o.html

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visualizadas